top of page
Buscar

Assintecal e Beira Rio estimulam fornecedores a se certificarem


A Associação Brasileira das Empresas de Componentes para Couro, Calçados e Artefatos (Assintecal) participou no dia 8 de abril de um encontro com fornecedores da Calçados Beira Rio, com a presença de 25 fornecedores na sede administrativa da empresa, em Novo Hamburgo/RS.


A superintendente da Assintecal, Silvana Dilly, destacou a importância do evento e o trabalho desenvolvido pela Beira Rio. “A Beira Rio é ciente do seu papel enquanto uma das maiores empresas de calçados do Brasil. Contabilizando mais de 500 fornecedores, a empresa tem o objetivo claro de estimular a sustentabilidade em toda a cadeia produtiva e, por isso, estipulou como meta ter pelo menos 50% dos seus fornecedores críticos - que produzem materiais que precisam ter cadeia de reciclagem do resíduo gerado - certificados no âmbito do Origem Sustentável até o final de 2023. Até 2025, o objetivo é ter 100% dos fornecedores trabalhando de acordo com os conceitos de sustentabilidade”, explica Silvana.


Certificada no nível Diamante, a Beira Rio, que produz mais de 25 milhões de pares de calçados todos os anos, preza pela sustentabilidade no seu processo produtivo. Atualmente, a empresa reutiliza 250 toneladas mensais de resíduos, transformando materiais que seriam descartados em ecomodeladores - que substituem as buchas de papel em displays, cabides, pufes e peças base de palmilhas; produz solados com resíduos de cana-de-açúcar e fibra de coco; e capta água da chuva para reutilizar nas fábricas e reduzir sua pegada hídrica.


Origem Sustentável


Única certificação em ESG (environmental, social and governance) da cadeia calçadista no mundo, o Origem Sustentável tem como objetivo certificar desde o fornecedor até o produtor de calçados, que devem ter seus processos alinhados com os conceitos da sustentabilidade ambiental, econômica, social e cultural.


Realizado em conjunto entre a Assintecal, representando fornecedores, e a Associação Brasileira das Indústrias de Calçados (Abicalçados), representando as fábricas de calçados, a certificação conta com auditorias obrigatórias, credenciadas SGS, Bureau Veritas, Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) e Serviço Brasileiro de Aprendizagem Industrial (Senai). Ao todo, são quatro os níveis de evolução: Bronze (para empresas que cumpram o mínimo de 20% a 30% dos indicadores propostos), Prata (40%), Ouro (60%) e Diamante (80%).



bottom of page