Buscar

Prática de caminhada é a atividade física mais comum feita pelo brasileiro


Brasileiros caminham ao menos 150 minutos semanais de acordo com um relatório promovido pelo Ministério da Saúde; no entanto, com as taxas de sobrepeso subindo no País, o Brasil ainda tem um longo caminho a percorrer na busca por mais saúde e qualidade de vida.


De acordo com a pesquisa Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico promovida pelo Ministério da Saúde, a caminhada é a atividade física de maior aderência entre brasileiros acima dos 18 anos: 36,2% deles caminham pelo menos 150 minutos por semana. Mesmo que seja praticada em intensidade mais moderada, um estudo publicado na revista acadêmica Arteriosclerosis, Thrombosis and Vascular Biology (ATVB) sugere que a caminhada pode promover benefícios similares aos da corrida. Sendo uma atividade que não requer habilidades avançadas, e pouquíssimos artigos específicos para sua prática, a caminhada se tornou, portanto, uma das mais populares maneiras de manter o corpo ativo e mais saudável.


Sedentarismo


Dados divulgados pela Organização Mundial da Saúde (OMS) evidenciam um cenário preocupante: 47% da população brasileira é afetada pela falta de atividades físicas consistentes. Um dado ainda mais alarmante revela-se quando os números globais são analisados, já que a tendência também pode ser observada em muitos outros países. Assim, o aumento de peso da população é uma das consequências desse cenário. Segundo dados da mesma pesquisa, hoje, mais da metade dos brasileiros (55%) têm excesso de peso. Estar com sobrepeso é mais do que apenas uma preocupação estética. A gordura excessiva coloca o indivíduo no grupo de risco de diversas outras doenças, como a diabetes e a hipertensão.


Benefícios da caminhada para o corpo


A caminhada, por mais leve que seja, ajuda na movimentação do corpo, aumentando o gasto calórico e fortalecendo diversas estruturas do organismo. Adeptos dessa atividade podem atestar a sua eficácia - e eles não estão sozinhos. Cientistas de todo o mundo estudam como a caminhada pode ajudar a diminuir riscos de doenças cardíacas, melhorar os níveis de açúcar no sangue, ajudar a controlar o colesterol e muito mais.


Um estudo apoiado pelo Ministério da Saúde norte-americano, por exemplo, aponta que mulheres de 45 anos podem ter suas expectativas de vida estendidas pela simples prática de dar ao menos 4.400 passos diários.


Cuidados em uma caminhada


A caminhada é uma atividade fácil e recompensadora, mas alguns cuidados podem ajudar a torná-la ainda mais benéfica. A hidratação, por exemplo, é importante para repor os líquidos perdi- dos durante a prática. Além disso, é importante que as roupas usadas sejam confortáveis e que o tênis seja adequado.


Toda atividade física, é claro, precisa estar acompanhada de mudanças de hábitos significativas para que dê resultados. Aqueles que querem tirar proveito de suas caminhadas e melhorar sua saúde devem adotar uma alimentação balanceada. Por último, o alonga- mento antes da prática é essencial para evitar dores musculares, lesões e cãibras.