Buscar

A Nova Fábrica de Calçados (NFC)

A consolidação dos fundamentos da Indústria 4.0 pela implantação crescente da capacidade competitiva da Nova Fábrica de Calçados (NFC)


CAPÍTULO 6/6 - A NOVA FÁBRICA DE CALÇADOS (NFC) E OS DESAFIOS DA AUTOMAÇÃO DOS SEUS PROCESSOS PRODUTIVOS ORIENTADO PELA INDÚSTRIA 4.0

MS Eng. Fernando Oscar Geib


1 - A automação dos processos produtivos requer o domínio qualificado e quantitativo das tecnologias operacionais

A competitividade das organizações produtivas, entre as quais a Nova Fábrica de Calçados (NFC), está na sua capacidade de desenvolver os fundamentos da Automação dos seus processos produtivos. Mesmo sendo o mercado de calçados extremamente diversificado em modelos, a automação dos processos produtivos deve ser perseguida enfaticamente pela fábrica de calçados em descrição, que persegue a uniformidade dos calçados produzidos e disponibilizados aos mercados e aos consumidores. A Nova Fábrica de Calçado (NFC) persegue a uniformidade em termos de qualidade dos calçados produzidos. A automação é a ferramenta para gerar a igualdade da qualidade dos calçados produzidos, fator este que gera valor para os calçados ofertados aos mercados.

2 - Tipos de Automação

AUTOMAÇÃO FIXA - Identifica-se por suas características operacionais, ou seja, as quantidades de calçados produzidos são elevadas, com pequenas variedades de modelos. A automação é simples e de baixo custo, mantendo a simultaneidade da produção de calçados com pequena variedade e baixo custo. Esta estrutura de produção com recursos limitados de design dos produtos e automação dos processos representa com pouca efetividade a Indústria 4.0, apesar de estar planejada de acordo com a exigência do cliente usuário e dos mercados.


AUTOMAÇÃO FLEXÍVEL - Por ser um processo aberto, a automação pode ser adequada às necessidades de gerar produtos e serviços dos mais variados e necessários, ou seja, a flexibilidade da automação da produção deve ser entendida como um processo aberto e uma poderosa vantagem competitiva. Esta diretriz dos sistemas de automação da produção é mais sofisticada e complexa. A variedade de modelos de calçados a serem produzidos simultaneamente é maior, e esta condição gera oportunidades de implementar a automação dos processos produtivos dos calçados.


AUTOMAÇÃO PROGRAMÁVEL - Neste modelo de automação, o volume de calçados produzidos é variado, em função dos tipos e modelos de calçados produzidos. A automação é adaptável por meio de programação, alinhando-se totalmente com os fundamentos da Nova Fábrica de Calçados (NFC).

3 - Como a Nova Fábrica de Calçados (NFC) posiciona-se frente ao caminho da Automação

A automação dos processos produtivos tem uma característica fundamental: ela gera a competitividade da Nova Fábrica de Calçados (NFC) em elevados níveis. Sem competitividade não há sustentabilidade para esta fábrica em descrição. De igual modo, a automação cria e impulsiona uma Inteligência de Produção envolvendo todos operadores da fábrica. Este envolvimento contínuo nos operadores da fábrica cria uma disposição sistêmica para elevar continuamente a disposição de aumentar a competitividade produtiva das operações pelo uso da automação. Igualmente novas habilidades pessoais e coletivas são geradas elevando o nível de competitividade desta sapateira.

4 - O dinamismo da Automação

A função Automação deve ser entendida como uma “escola”, ou seja, a Automação de hoje, que é diferente da Automação de ontem, pode já estar operacionalmente superada, necessitando, portanto, de uma adequação operacional. Uma das principais características dessa Nova Fábrica de Calçados (NFC) é estar preparada pela Automação para a dinâmica das variações da moda. Para isso, ela estuda e avalia continuamente a efetividade dos processos de Automação disponíveis, buscando aprimorar a eficiência dos seus processos.

Entre em contato conosco

Revista Tecnicouro

Rua Araxá, 750 - Bairro Ideal

Novo Hamburgo - RS

CEP 93334-000

(51) 3553-1000

Assine a newsletter