Buscar

A nova Fábrica de Calçados

A CONSOLIDAÇÃO DOS FUNDAMENTOS DA INDÚSTRIA 4.0 E A IMPLEMENTAÇÃO CRESCENTE DA CAPACIDADE COMPETITIVA

CAPÍTULO 1 DE 6: A SIMULTANEIDADE DAS OPERAÇÕES DE PRODUÇÃO, “ABRE AS PORTAS” PARA AS TECNOLOGIAS DA ROBÓTICA

MS Eng. Fernando Oscar Geib

1 - Robótica: indo além da Automação dos Processos Produtivos

A Robótica é o estágio de maior avanço da Automação aplicável aos Processos de Produção de bens e a Nova Fábrica de Calçados (NFC) segue esta linha de pensamento. A Robótica é complexa pois envolve tecnologias, conhecimentos de mecânica, eletrônica e computação. Somam-se a essas tecnologias, a microeletrônica, a inteligência artificial e, principalmente, a inteligência humana. Avançando mais nestes fundamentos, os Robôs da Nova Fábrica de Calçados (NFC) são máquinas planejadas para apoiar e se aliar aos operadores humanos em trabalhos repetitivas e, portanto, são eliminadores do estresse dos operadores. Não pode ser esquecida também a geração da uniformidade dos Processos Produtivos e a uniformidade da qualidade dos calçados a serem disponibilizados aos mercados consumidores.

2 - O que são Robôs

Os Robôs são máquinas flexíveis e adaptáveis. A Robótica fundamenta-se em tecnologias da mecânica, da eletrônica e da computação. Para a produção de calçados na fábrica em descrição, os robôs têm um formato que os assemelham ao de uma pessoa e a partir desse detalhe harmonizam-se com os operadores da fábrica. Os braços desses Robôs formam e constituem uma rede de movimentos que atendem totalmente os processos de produção desses produtos.

3 - O graus de liberdade das operações do Robôs para apoiar os Processos Produtivos

Não há restrições ao grau de liberdade dos Robôs, que precisam estar alinhados com os processos de geração dos calçados e esta condição os coloca em vantagem sob o ponto de vista operacional. A variedade e a diversidade dos modelos de calçados impulsionados pela moda colocam estes componentes produtivos em contínuos ajustes operacionais.

4 - Rede Operacional estruturada pelos Robôs para a produção dos calçados

Os Robôs operam por dispositivos denominados de “Garras”, semelhantes a dos animais. Os modelos básicos de garras são:

1 - Garras de dois dedos: É o modelo de garra mais convencional e de grande uso;

2 - Garra para peças cilíndricas: É uma garra mais complexa;

3 - Garra articuladas: É um tipo de garra muito simples.

As garras são móveis, mecanizadas, realizam múltiplas aplicações podendo ser substituídas de acordo com os modelos de calçados em operação. Um exemplo hoje bastante conhecido são as implantadas nas máquinas de montagem dos calçados. A Nova Fábrica de Calçados (NFC) sabe da indutância dos grampos para a produção dos calçados serem uniformes.

5 - A Nova Fábrica de Calçados (NFC) conduz e orienta os processos de produção dos calçados pelos fundamentos da Indústria 4.0

Para a condução e orientação dos processos de geração dos calçados, a Nova Fábrica de Calçados (NFC) estrutura um sistema de produção dos calçados baseado em Sensores de Posição. Esses Sensores de Posição, como diz o seu nome, são componentes eletrônicos que identificam a posição operacional desejada para componente dos processos de geração dos calçados. As operações de produção dos calçados, orientadas pelas simultaneidade dos processos necessitam de uma precisão temporal de alto nível, para as operações produtivas dos calçados. E esta precisão operacional das operações produtivas identifica a Nova Fábrica de Calçados (NFC) como uma Indústria 4.0. Uma rede de informações assegura a estabilidade da Simultaneidade Operacional de produção, criando nos mercados uma imagem de fábrica que está continuamente à frente dos mercados.

Entre em contato conosco

Revista Tecnicouro

Rua Araxá, 750 - Bairro Ideal

Novo Hamburgo - RS

CEP 93334-000

(51) 3553-1000

Assine a newsletter